Falece o esportista Antonio Libarino Bassan

O adamantinense de coração é considerado o "pai do futebol de salão" na região

O esportista Antonio Libarino Bassan faleceu na tarde desta sexta-feira (24), em Adamantina. O adamantinense de coração tinha 78 anos e deixa três filhos, duas netas e esposa.

Bassan nasceu em Galia, em 30 de julho de 1941. Seu faro de gol começou a ser visto em 1957, quando iniciou a carreira no Palmeirinha de Adamantina. Defendeu também Associação Atlética de Adamantina, Dracena, AA Osvaldo Cruz, Banfield, da Argentina, e Guarani de Adamantina (de 1964 a 1974, quando foi campeão da 3ª e 2ª divisão de profissionais pelo famoso Bugre Adamantinense).

Após deixar os gramados, seguiu no futebol e tornou-se proprietário de uma escolinha.

Bassan foi um grande cobrador de faltas. No futsal, foi o “pai do futebol de salão” na região, formando atletas e, com eles, trouxe as mais altas conquistas para Adamantina e outras cidades por onde passou.

Mais informações em instantes

O adamantinense de coração é considerado o "pai do futebol de salão" na região
Bassan, o ex-aluno da escolinha de futebol de Bassan, Edu Dracena, e Rato, ex-jogador do Dracena. Foto enviada por Luiz Carlos Ferreira

Dinho e Bassan com a faixa de campeão pelo Guarani de Adamantina. Foto enviada por Luiz Carlos Ferreira

Bassan e Dino Sani. Foto: Arquivo pessoal Lourenço Barriviera

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui