O Projeto Piloto da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis foi credenciado e, durante a ExpoVerde, trabalhou recolhendo todo o material reciclável que foi produzido durante os cinco dias de festa.

Juntos, eles conseguiram recolher 811,600 quilos entre latinhas de alumínio, garrafas PET transparente, garrafas PET verde, papelão e diferentes tipos de plásticos. Durante a exposição, 10 integrantes do Projeto Piloto participaram de todo o processo que envolveu desde a coleta e triagem até a prensagem de tudo o que foi recolhido.

A venda de todos os materiais resultou em um montante de mais de dois mil reais. Cada um dos catadores que trabalharam recebeu mais de R$ 200,00.

Além de terem recolhido os materiais, os catadores confeccionaram cerca de 100 lixeiras com garrafas pets que foram trazidas pelos alunos da rede municipal de ensino e foram espalhadas pelo poliesportivo com o objetivo de manter o espaço limpo durante a exposição.

A Prefeitura de Adamantina segue executando a construção do barracão de coleta seletiva e a aquisição de máquinas e equipamentos para implementação do sistema de coleta de resíduos sólidos com recursos do Acordo Judicial de Compensação Ambiental entre o Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Estado de São Paulo (MPSP) e a Companhia Energética de São Paulo (CESP).